Mario Vargas Llosa é Nobel de literatura!

Dia glorioso, minha gente! Vocês estão vivendo para ver o peruano Mario Vargas Llosa levar para casa um Nobel de literatura! Quem sabe, sabe que, em minha resenha do Pantaleão e as Visitadoras, havia dito que ele nunca ganharia, injustiçadamente, por ter uma visão política de direita. Bom, queimei a língua nessa, mas a decisão de Estocolmo foi surpreendente.

Desde que comecei a gostar de literatura, é a primeira vez que um escritor que admiro muito e cujo trabalho acompanho sempre vence o prêmio. E, diga-se de passagem, o prêmio foi mais do que merecido. Com um domínio de técnica sobre todos os estilos (que tanto já mencionei aqui), suas tramas excelentes e a veia cômica que se mistura a uma brutalidade narrativa, Vargas Llosa é um escritor completo. Palmas pra ele, que ele merece! Vargas Llosa é como um pai para o Livrada!, que completa seis meses amanhã, com uma média de visitas que não para de crescer, leitores novos, amigos novos, e gente que me liga e me manda mensagem pra avisar sobre o prêmio Nobel. Valeu, todo mundo!

Leia as resenhas de Vargas Llosa já publicadas:

Tia Julia e o Escrevinhador

Pantaleão e as Visitadoras